sexta-feira, 23 de novembro de 2007

Escrever...

"... salva a alma presa, salva a pessoa que se sente inútil, salva o dia que se vive e que nunca se entende a menos que se escreva. Escrever é procurar entender, é procurar reproduzir o irreproduzível, é sentir até o último fim o sentimento que permaneceria apenas vago e sufocador." Clarice Lispector
Adoro escrever. E quando não tenho o que dizer, é melhor ainda. Porque escrever sem compromisso, sem a necessidade de se fazer entender, fica mais bonito, mais livre. Basta sair por aí, voando. E quanto mais alto, melhor. Quando se escreve, não há o risco de cair. Pode-se fazer o que quiser, como quiser, quando quiser. Por exemplo, se eu quero colocar um ponto-e-vírgula aqui, eu coloco, assim; E ninguém vai reclamar. Não tem nada que seja mais livre.
Se eu pudesse desenhar o ato de escrever aleatório, seria mais ou menos assim: uma cabeça, no centro, depois um braço, de onde saíria uma mão, em forma de pinça, pinçando um contorno azul e disforme: o pensamento. É, seria assim. E poderiam ser vários pensamentos, um de cada cor. É, bem colorido, porque a vida já é muito cinza, e não há necessidade de ser ainda mais.Minha arte é escrever. E é como pintar. Só que eu uso o lápis como pincel, e os pensamentos como tinta, e qualquer coisa como tela. E você é o visitante da minha mostra. O bom é que, como escrevo do jeito que eu quero, você pode entender do jeito que quiser. E não está errado (aliás, o que é errado?).
Escrevo para não calar-me. Não no sentido da fala em si, mas de uma coisa mais subjetiva. Não gosto do silêncio da alma. Esse me dói. Porque é necessário arder, ainda que sem escândalos, ainda que lá dentro, no fundo de nossos pensamentos. É por isso que escrevo. Porque me recuso a estar apático diante da vida, diante das coisas. Recuso-me a observar sem olhos e a viver sem vida. É por isso.

4 comentários:

ciça disse...

que texto delicioso!!!!mui tocante...
;)

Paulinho disse...

eu ficaria horaaas na frente do pc lendo textos assim!!
cuida desse dom que vc tem filho, eu sei q vc vai longe, e qdo vc entrar na Academia Brasileira de Letras, manda livros pra mim, com dedicatória e td, viuuu?! ^^

não dxe sua alma calar-se!!

;D

Lá Couto disse...

E como vc escreve querido
toca no fundo da alma
palavras de ânimo, de força, palavras que transportam um pouco dessa luz q vc carrega..
te amo
bjO

...Tatianne disse...

dérson esse texto ficou muito bom mesmo..
e o poema tbm ta legal.
bjosss